28 de julho de 2011

SEMPRE CORRENDO


O monge Shuan sempre alertava aos discípulos para a importância do estudo de filosofia ancestral.
Um deles, conhecido pela sua força de vontade, anotava todos os ensinamentos de Shuan, e passava o resto do dia refletindo sobre os pensadores antigos.
Depois de um ano de estudos o discípulo adoeceu, mas continuou frequentando as aulas.
“Mesmo doente, continuarei estudando. Estou atrás da sabedoria e não há tempo a perder”, disse ele ao mestre.
Shuan indagou:
Como você sabe que a sabedoria está na sua frente, e que é preciso estar sempre correndo atrás dela? Talvez ela esteja caminhando atrás de você, querendo alcançá-lo, e de alguma maneira você não está deixando. Relaxar e deixar os pensamentos fluírem, também é uma maneira de atingir a sabedoria. (Fonte P. Coelho)



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Espalhe por ai ...