26 de agosto de 2011

Fadas...




Fadas
Como uma fada , você entrou na minha vida
sem nada me avisar.
Seria apenas mais um conto... de fadas
que teria de trilhar, sem nada perder, nem o coração,
pois perdido estava ao longo dos anos.
E a fada me perguntou:
- O que queres de mim?
- Nada, disse-lhe eu.
Um pouco de amor, carinho, paz, compreensão
e sobretudo um passe de mágica que me
faça acabar com a dor de amor!
E a Fada mais uma vez me disse:
- Isso, eu não posso fazer, tu é que deves
obrar para tirar do teu coração a dor de amor!
Cada um tem a sua.
E, essa é só tua não minha nem de mais ninguém!
A cada um a sua dor de amor!
E,dizendo isso,ela voou para longe,tão longe que
não mais a vi e até hoje ficou comigo essa dor de amor!
(Desconheço o Autor)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Espalhe por ai ...