1 de agosto de 2011

Luis Dilmar Roggia - No meu mundo.



No meu mundo

Isolo-me do mundo onde vivo
Para viver no meu mundo isolado
Mundo esse, onde só, sobrevivo
Pois nele, tenho você do meu lado

Neste mundo, não há solidão
Tudo ao meu redor é mais bonito
Eu crio e recrio da imaginação
O meu cenário favorito

Em cada cenário que eu imaginar
Você estará sempre comigo
Neste mundo irei sempre te amar
E você será sempre meu abrigo

Quando volto à realidade
Deste sonho de amor e paixão
Já sinto de novo a saudade
De isolar-me em teu coração.
- Luis Dilmar Roggia -

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Espalhe por ai ...